Morro de São Paulo BLOG

Foi um sucesso incomperável, a primeira edição do Festival de Primavera de Morro de São Paulo

A primeira noite foi marcante com um Show de Encantos.
A abertura do Festival de Primavera de Morro de São Paulo foi um arraso, é a melhor palavra para definir o Festival de Primavera do Morro de São Paulo. A abertura do evento aconteceu na noite de 03/07 e contou com shows de Vânia Abreu e da banda Vivendo do Ócio.
O abre alas do evento foi feito por três grupos folclóricos da região: Chegança, Congos e os caretas. Com figurino de cores fortes e instrumentos musicais percussivos, eles chamaram a atenção dos turistas em um cortejo de som e cores, que saiu do palco da Vila e terminou na Segunda Praia.
O momento mais esperado da noite, no entanto, estava por acontecer. Sob o comando da voz doce de Vânia Abreu, o público pôde se deliciar com antigos sucessos e novas músicas da carreira da artista. E como não podia faltar, canções como “As Quatro Estações”, de Gaetani e “Diga Que Me Ama” (Péri), embalaram o público.
Um show foi dedicado ao amor; dividido em três tempos, o tempo da paixão, o do término e da reconciliação. Esta temporalidade pode ser claramente percebida, através da interação entre a artista e o público – aproximadamente 7 mil pessoas que tomaram a frente do palco principal, na areia da Segunda Praia.
É a primeira vez que eu me apresento no Morro. Sinto-me lisonjeada em abrir este projeto. Gostei da idéia do palco baixinho, pois nos aproxima mais do público”, declarou Vânia, minutos antes de subir ao palco.
“Em um lugar lindo e apaixonante como este, não dá para ficar sem abraçar, sem beijar ou afagar…” motivou os casais apaixonados ao introduzir a música “Prá falar de amor”, de Tenison Del Rey e Paulo Vascon.
Em seguida a banda nascida no Morro de São Paulo e hoje sucesso em Salvador, Vivendo do Ócio.
Segunda noite na Segunda praia, praia lotada para receber Maria Gadú.
Os acordes do violão de Maria Gadú, embalaram baianos e turistas que lotaram a areia da Segunda Praia do Morro de São Paulo para prestigiar a segunda noite do Festival de Primavera.
O ponto alto da noite, dedicada à Ilha de Boipeba, ficou a cargo da paulista, destaque entre os novos talentos da MPB. Ousada, Sedutora, irreverente, carismática, Maria Gadú fez o público se emocionar, cantar e chorar com canções que marcaram seus dois anos de carreira.
Cheia de atitude e muita simplicidade, a artista ocupou o palco com seu banquinho, um violão uma taça de vinho tinto, muita graça e magia. Com uma voz suave, fez o tempo parar. “É um privilégio tocar na Bahia, ainda mais em um lugar tão lindo como este”, destacou a artista. Programado para acontecer em 1hora, o show foi ampliado a pedido do público, e chegou a quase duas horas de apresentação.
Maria Gadú é Cantora Revelação de 2009, e vencedora do prêmio Multishow 2010.
Maria Gadú preparou um repertório variado com músicas como “Trem das Onze” de Adoniran Barbosa, “Pequena Eva”, da banda Eva, “Quase sem querer”, de Legião Urbana e a canção francesa “Ne me quitte pas”.
O hit “Shimbalaiê” foi entoado em coro, pelo público de aproximadamente 10 mil pessoas que ocuparam completamente a faixa de areia da Segunda Praia do Morro, local famoso pelas festas e baladas noturnas no balneário baiano.
Maria Gadú entregou o placo ao baiano Pablo Dominguez, natural de Valença, região da Costa do Dendê. Inspirado no surf music, Pablo fez um show com músicas autorais e sucessos do pop rock brasileiro. O artista valenciano convidou Raoni Carneiro para dividir o palco. Além de ator, o global, é vocalista da banda Trup. Outro grande momento do show de Pablo Dominguez aconteceu quando ele chamou ao palco o roqueiro Márcio Mello para cantar “Tonelada de Amor”.
Nando Reis causa frisson em Morro de São Paulo na Terceira Noite do Festival de Primavera
Esta é a primeira vez que Nando Reis , Cantor e compositor, vem para o 1º Festival de Primavera em Morro de São Paulo.
Foram quase duas horas de atraso, mas o público não desanimou, e cantou todas as músicas, de um repertório variado com músicas do CD Drês, e canções da carreira do artista. Para o fim do show, Nando preparou um pot pourri com antigos sucessos dos Titãs.
A pouco tempo deram encerramento nas gravações do CD e DVD “MTV Ao vivo Bailão do Ruivão”. Pela primeira vez, ele não é o autor das músicas. O artista interpreta e presta homenagem à Wando, ao conjunto Roupa Nova e banda de forró, Calcinha Preta.
Após o show de Nado Reis , entrou no placo a roqueira baiana Thathi, que mostrou os melhores acordes da sua guitarra para a platéia de Morro de São Paulo.
Leilah Moreno arrasou a Quarta Noite em Morro de São Paulo na Segunda Praia
Marcaram presença na voz da belíssima Leilah Moreno, nomes como Lady Gaga, Beyonce e Madonna na quarta noite do Festival de Primavera de Morro de São Paulo. Todas na voz marcante de Leilah Moreno, que com “Bad Romance” abriu um grande show na Segunda Praia. Foram 50 minutos de apresentação que deixou o gostinho de quero mais.
A famosa Leilah Moreno convidou para subir ao palco João Henrique, estudante de 21 anos, natural de Paulo Afonso, no interior da Bahia. Após dançar por alguns minutos, ele revelou a todos presente, uma tatuagem do rosto da artista cravada em suas costas. “Acompanho a carreira dela desde a época do programa Raul Gil. Ela é demais”. Após ganhar o minuto de fama, o estudante não acreditava no feito. “É inexplicável, ainda não caiu a ficha”, fala emocionado.
Em outros momentos da apresentação, ela dividiu palco com os outros artistas desconhecidos como Taffih Jackson. Em homenagem ao rei do pop, o baiano nascido em Cachoeira, disse que faz cover do astro americano há mais de 05 anos. “Fiquei ancioso no começo, mas depois relaxei. É bom fazer o que gostamos, ainda mais ao lado de uma grande artista”, comenta Taffih.
Fechando a noite com chave de ouro, Leilah Moreno trouxe ao palco mais de 15 crianças. “As crianças é que fazem a festa. Vamos nos divertir”, diz ela.
Na última noite de festa ou seja Quinta noite do Festival de Primavera em Morro de São Paulo
No dia 07 de Setembro, Feriado da Independência do Brasil, foram encerradas as cinco noites de magia da primeira edição do Festival de Primavera de Morro de São Paulo, como homenagem o talento da terra. Nesta noite os artistas locais “ Raízes” se apresentaram no palco montado na Segunda Praia.
Fazu Kanu abriu a noite com a voz marcante de sua vocalista, a caiurense Nivea Lima, que cantou sucessos como “Faraó” e também composições de sua autoria. A pedidos da platéia o grupo subiu ao palco duas vezes.
Em seguida foi a vez de Beto Amazonas mostras toda experiência adquirida cantada na noite. Indo do forro ao axé music. O cantor fez todos tirarem o pé do chão. Nem a chuva diminui a animação dos meninos do Morro no Samba, que trouxeram o melhor do pagode fundo de quintal.
Para fechar o festival com chave de ouro, a banda Flor do Reggae fez todo o público cantar a música “Fonte do Céu”, sucesso que já invadiu as rádios da região. A convite da banda, Duda do Dia,MBA também deu uma palhinha para delírio da galera.
O Festival de Primavera de Morro de São Paulo fez parte da programação oficial de festividades promovidas pela Prefeitura de Cairú para comemorar os 400 anos do município.