Morro de São Paulo BLOG

IEMANJÁ 2017 EM MORRO DE SÃO PAULO

A festa procissão de Iemanjá que aconteceu em Morro de São Paulo, foi linda, simples, mas com muita gratidão.

Baianas e Pais de Santo

Baianas

Todos os anos a festa é organizada pela Pousada Farol do Morro, já é uma tradição em Morro de São Paulo, para moradores e turistas.

Este ano a organização começou mais cedo, devido à maré, foi a partir das 09h, na Primeira Praia em frente à Pousada Farol do Morro. Baianas, pais de santo, convidados. Todos de branco, energizando paz.

Lindas baianas com suas saias mais deslumbrantes e rodadas, encantam o cortejo dançando e agradecendo.

Dança das Baianas

Regado de flores, perfumes e muita fé, o cortejo é de agradecimentos, pedidos, orações e promessas.

A procissão segue pelas ruas do vilarejo até a frente da Igreja Nossa Sra da Luz. Com benzeduras, regada à água de cheiro e danças folclóricas enfeitam a roda das baianas.

Caminhada Cortejo Iemanjá

Após a lavagem das escadas da Igreja Nossa Sra das Luz, a caminhada segue para o porto, onde vários barcos já estão preparados para as realizações religiosas. Escunas e saveiros são barcos de modelos bem antigos, feitos de madeira, no qual marcam a história.

Os tambores soam e todos embarcam. Há um barco especial que leva a estátua de Iemanjá e sua coroa de flores, baianas e pais de santo, em um momento especial.

Saudação à Iemanjá

Saudação

Oferendas são jogadas ao mar, mas é bom lembrar que, só vale flores naturais e não artificiais, perfumes pode jogar somente o líquido e não a embalagem. Todas estas regras são para beneficiar a natureza, na verdade nem perfumes deveríamos jogar no mar, por causa dos peixes, somente flores, pois são plantas, mas no caso de oferendas à santos é difícil ter uma conscientização de não poluir a natureza, mas pouco à pouco devemos ir sempre colocando este assunto em pauta, para que assim consigamos todos juntos zelar por uma natureza mais pura e beneficiada por nossas próprias mãos, é quem nos favorece e nos dá o nosso viver.

Oferenda à Iemanjá

Oferendas

A Bahia é terra de muita cultura, e cultura das fortes.

Créditos de Fotos: Sabrina Fernandes e Zulu Turismo